Parte da história cultural de Bom Jardim. RJ, será resgatada com parceria entre a Estácio Nova Friburgo e a Prefeitura do município.

A reprodução e restauração gráfica da lata e da logo da Caramelo Bussi está sendo realizada pelos alunos do curso de Publicidade e Propaganda

Por Redação Portal Fri Notícias em 06/01/2022 às 20:31:00
Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

A Estácio Nova Friburgo fechou uma parceria com a Prefeitura Municipal de Bom Jardim para a restauração da embalagem da empresa Caramelo Bussi, um dos símbolos municipais da década de 20, que resultou na formação de um bairro no município: o São Miguel. A lata com a logo será exposta no Museu Fazenda que conta a história da cidade.

A reprodução e restauração gráfica da lata e da logo da Caramelo Bussi está sendo realizada pelos alunos do curso de Publicidade e Propaganda, da disciplina Direção de Arte, sob a responsabilidade do professor Luciano Martins e, além de desenvolver a prática dos alunos, resgata a história e da cultura da cidade de Bom Jardim.

A Fábrica de Doces e Caramelos Busi S.A. foi transferida para a cidade em 1949, no local onde antes era uma usina de café, por iniciativa do produtor de açúcar Péricles Corrêa da Rocha. Originalmente localizada no Centro do Rio de Janeiro, foi à falência com o final da Segunda Guerra Mundial, em decorrência do racionamento do açúcar no Brasil que fez com que grande parte da produção dos doces fosse enviada ao exterior. A cidade de Bom Jardim também passava pela crise do café na década de 30 e sofria com o desemprego. O empreendimento industrial gerou mais empregos na cidade e originou o bairro de São Miguel, tendo os funcionários da fábrica como moradores, na localidade anteriormente conhecida como Fazenda dos Órfãos.

"A lata e o grafismo da lata é o que ficou da fábrica, a edificação ainda está de pé, mas nós só temos uma embalagem desse caramelo que sobreviveu ao tempo, e que está bem deteriorada. Com a ajuda da Estácio e dos alunos, estamos tentando resgatar como foi esse grafismo no seu momento original. Resgatar essa história não é nostálgico apenas para Bom Jardim mas para o Rio de Janeiro também, já que os Caramelos Busi foram muitos famosos na fase de ouro dos cinemas" contou Jackson Aguiar, secretário municipal de Cultura, Turismo, Esporte, Lazer e Desenvolvimento de Bom Jardim.

A simulação da embalagem não vai atender apenas ao Museu Fazenda, a intenção ao recuperar o grafismo também é criar um souvenir, segundo Jackson.

"O município em parceria com a Estácio, com o Museu Fazenda e a Associação de Artesanato, pretende recuperar uma receita de caramelo e colocar de novo em circulação no mercado uma edição comemorativa do Caramelo Busi", disse ele.

A Universidade Estácio de Sá de Friburgo, através do curso de Arquitetura, também está auxiliando no inventário da sede do Museu Fazenda Bom Jardim que expõe as lembranças do século XIX, na era da plantação de café no Brasil.

"Resgatar a história faz com que não somente nossos alunos, mas toda a comunidade possam olhar para o presente e o futuro de forma mais clara, ao entender que nossa missão sempre será preservar a cultura e as raízes locais." relata Camilla Athayde, coordenadora do curso de Publicidade e Propaganda, Campus Friburgo, sobre a importância do projeto.

Comunicar erro
Banner Anuncie Fri 1Abaixo post

Comentários

Whatsapp 2022 banner 3 Todas telas