Gasolina aumenta pela quarta semana seguida e alcança recorde nos valores.

De acordo com a Agência Nacional do Petróleo (ANP), preço médio do combustível no país chegou a R$ 7,295. Este é o maior valor registrado desde o início dos levantamentos de preços semanais em 2004.

Por Redação Portal Fri Notícias em 06/05/2022 às 20:23:11
Foto: Pixabay

Foto: Pixabay

De acordo com dados divulgados pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), nesta sexta-feira, (06), o preço da gasolina registrou um recorde no preço após subir pela quarta semana seguida e alcançar a média de R$ 7,295 nos postos do país.

Esta é a maior média registrada desde o ano de 2004, quando a ANP iniciou o levantamento semanal de preços do combustível.

O valor ultrapassou os R$ 7,283 registrados na semana passada entre os dias 24 e 30 de abril, apresentando assim, uma alta de 0,16%. O maior preço registrado após levantamento em todo o país, foi R$ 8,999, registrado na cidade de Tubarão, em Santa Catarina. Já o menor valor registrado foi R$ 6,199.

Ainda de acordo com os dados da agência, o diesel também apresentou alta. O combustível registrou aumento de 0,30%, apresentando uma média de R$ 6,630 o litro. Já o Etanol apresentou um recuo de 1,77%, com média de R$ 5,441 o litro.

O presidente da Petrobrás, José Mauro Coelho, disse nesta sexta-feira, (06), que a empresa vai continuar seguindo os preços de mercado como forma de gerar riqueza para a sociedade e assim evitar o desabastecimento.

A declaração acontece um dia após a estatal anunciar lucro de R$ 44,561 bilhões no primeiro trimestre de 2022.

Comunicar erro
Banner Anuncie Fri 1Abaixo post

Comentários

Whatsapp 2022 banner 3 Todas telas