As Últimas
Publicidade
1 de ago de 2018
Publicidade 2

Cordeiro, RJ, enfatiza combate às hepatites virais


Secretaria de Saúde realiza ação em praça pública

Por: Redação

O 28 de julho é importante para profissionais de saúde de todos os continentes, pois marca o Dia Mundial de Luta contra as Hepatites. Ao instituir a data, a Organização Mundial de Saúde (OMS) estabeleceu caminhos para conscientizar a população sobre formas de contagio, tratamento, prevenção e redução da transmissão vertical (Mãe/Filho) durante a gravidez. O número de óbitos por hepatites vem ultrapassando aqueles em decorrência do HIV.

Faixa alusiva à campanha foi colocada no Coreto da Praça Cel. Antônio Pinto. (Foto: Divulgação)
Fazendo valer a data, a Secretaria de Saúde de Cordeiro realizou no sábado, (28), no Coreto da Praça Coronel Antônio Pinto, centro da cidade, o Julho Amarelo, uma ação com a finalidade de conscientizar a população sobre as hepatites virais. Os serviços oferecidos foram orientação sobre Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST); aconselhamento pré-teste DST; Teste Rápido de HIV, Sífilis, Hepatite B e C; e vacinação contra Hepatite B.

Durante a ação foram realizados 43 testes para a detecção de hepatites e oferecida a vacinação a 17 pessoas. Os resultados serão entregues nas Unidades de Saúde da Família e as doses subsequentes da vacina (contra Hepatite B são três doses) também serão aplicadas seguindo agendamento prévio nas próprias unidades.

Profissionais de saúde orientaram os cordeirenses sobre as hepatites virais. (Foto: Divulgação) 

Existem as Hepatites A, B, C e D. O tipo A ocorre por contaminação da água e alimentos, enquanto o tipo D só aparece quando o paciente já tem a Hepatite B. No Brasil, porém, devido às características do vírus, os casos se restringem à Região Norte do país. As hepatites B e C são as mais preocupantes, inclusive porque o tipo B não tem cura, mesmo existindo tratamento. Felizmente, o tipo B tem vacina, o que foi um grande avanço para a saúde pública prevenir a transmissão da doença.

Segundo a OMS, milhares de portadores de HIV morrem anualmente. Mas os óbitos por hepatite já superaram aqueles registrados pelo vírus HIV. Em 2017, dos 1.306 óbitos por hepatites no estado Rio de Janeiro, 883 foram causados por cirrose e 170 por câncer de fígado. No que se refere às formas de prevenção, além de usar preservativos nas relações sexuais, deve-se manter atenção à utilização de materiais descartáveis e esterilizados em autoclaves, seja no dentista ou na manicure.

Informações sobre doenças sexualmente transmissíveis foram repassadas. (Foto: Divulgação)
“As pessoas devem procurar os postos de saúde para se vacinar contra a Hepatite B. Se o paciente já estiver contaminado, precisa fazer o tratamento. A hepatite C alcança 95% de cura quando o paciente faz o tratamento correto”, explica Nadia Pinto, coordenadora da Vigilância em Saúde de Cordeiro.

Publicidade 2
  • Comentários
  • Comentários no Facebook
Item Reviewed: Cordeiro, RJ, enfatiza combate às hepatites virais Rating: 5 Reviewed By: Portal Fri Notícias