As Últimas
Publicidade
5 de mar de 2018
Publicidade 2

Prefeito decreta requisição administrativa do Hospital de Cordeiro, RJ.


Objetivo é garantir a prestação dos serviços de saúde

Por: Redação

Visando à retomada dos atendimentos à população de Cordeiro, uma comitiva liderada pelo prefeito Luciano Batatinha fez uma minuciosa inspeção nas instalações da instituição de saúde. 

Participaram a vice-prefeita Maria Helena; a secretária de Saúde, Vânia Huguenin; o procurador Geral, Mateus Ramos; profissionais da Secretaria de Saúde; e vereadores da Comissão de Saúde do Poder Legislativo.

Após as chuvas, com as infiltrações, cama da enfermaria ficou encharcada. (Foto: Ricardo Vieira)
Foram mais de duas horas de visitação às áreas externa e interna, incluindo enfermarias, cozinha, refeitório, centro cirúrgico, quartos particulares, sala da radiografia, pronto socorro e departamentos administrativos. Durante esse tempo, acompanhados de representantes da atual diretoria, muitas coisas ficaram claras para as autoridades que participaram da visita.

Após a inspeção, a comitiva chegou a uma conclusão. Embora a direção da entidade reafirme a sua regularidade – prevendo a possibilidade de retomar o contrato de prestação de serviços com a municipalidade – as instalações do HAC estão absolutamente inativas e cheias de problemas estruturais. Infiltrações no teto, rebocos se deteriorando, goteiras em algumas dependências e utensílios e equipamentos mal conservados são apenas alguns exemplos.

Muitos entulhos foram encontrados acumulados na área externa do hospital. (Foto: Ricardo Vieira)
Além disso, não há pessoal em atividade e o Pronto Atendimento está inativo, sem o registro de qualquer paciente internado ou em tratamento. Conforme análise do prefeito e demais autoridades, essa situação encontrada revela a total incapacidade da entidade em atender à demanda dos serviços públicos de saúde para a população.

Com isso, o prefeito Luciano Batatinha decidiu, através do Decreto 21/2018, oficializar a ‘Requisição Administrativa’ de toda estrutura física, exclusivamente quanto aos bens imóveis e móveis do Hospital Antônio Castro, com o propósito de garantir a continuidade da prestação de serviços de saúde e, dessa forma, fazer cessar o atual risco público coletivo ao qual está sendo submetida a população cordeirense.

Berço encontrado em estado precário em uma das instalações do hospital. (Foto: Ricardo Vieira) 
“Nosso intuito é readequar toda infraestrutura do hospital para que volte a funcionar plenamente, incluindo o Pronto Atendimento, as internações e Centro Cirúrgico. No período da requisição, a administração do prédio será da Secretaria de Saúde. Estamos fazendo um registro detalhado de tudo que foi encontrado, com fotografias e filmagens relatando as condições físicas e de funcionamento da instituição”, colocou o prefeito.

Publicidade 2
  • Comentários
  • Comentários no Facebook
Item Reviewed: Prefeito decreta requisição administrativa do Hospital de Cordeiro, RJ. Rating: 5 Reviewed By: Portal Fri Notícias