As Últimas
Publicidade
18 de ago de 2017
Publicidade 2

Educação com ética envolve alunos em projetos no Sesi Nova Friburgo, RJ.

Através de dinâmicas educacionais, a proposta é estimular estudantes a refletir sobre corrupção e integridade

Por: Redação

O atual cenário político e econômico do Brasil deixa claro que a corrupção está em todo lugar e relacionada a hábitos e comportamentos que são reproduzidos geração após geração. Percebendo a necessidade de interromper esse movimento, as Escolas SESI participam de um Programa de Integridade, que por meio de atividades educacionais ajuda a mostrar o quanto a falta de ética é prejudicial para o futuro da sociedade. 

Foto: Divulgação
“A escola é uma das primeiras experiências de vida em sociedade, por isso é fundamental como espaço de fomento e aprendizagem sobre o combate à corrupção, especialmente neste momento em que o Brasil passa por uma crise não só econômica, mas principalmente ética”, explica a Coordenadora do Comitê Executivo de Integridade do Sistema FIRJAN, Luana Pagani.

A ideia é unir a educação à filosofia ética para investir na formação, desde cedo, de cidadãos com consciência em princípios universais saudáveis para a vida em coletivo. Dentro da temática, os alunos estão participando de palestras, assistindo filmes e o mais importante, produzindo conteúdo que será compartilhado com a comunidade. 

“Na nossa escola sempre desenvolvemos diálogos com intuito de levar esse tema à prática. Uma forma eficaz de transformar e garantir uma geração comprometida com o respeito e valores básicos para a convivência”, comenta a coordenadora da Escola SESI Nova Friburgo, Simone Mertz Ghizi  necessários à sociedade.
 
Foto: Divulgação
Além da produção escrita, os alunos do 9º ano, por exemplo, estão elaborando vídeos dando dicas e refletindo sobre assuntos corriqueiros que se esbarram em questões éticas. A ideia é montar um vlog e compartilhar o material nas mídias sociais.

Para a aluna Gabriela de Souza Nogueira, que tem 13 anos e cursa o 8º ano, “a ética é clube sem limite de idade permitido para entrar”. A adolescente defende que não tem hora para aprender e mudar. “Estudar isso na escola é um complemento a educação que recebemos em casa. Aprender a não ser homofóbico ou racista, a respeitar qualquer tipo de pessoa. Se todos parassem para refletir sobre isso o mundo seria muito melhor”, completou.

Já Raiza Nunes Leal Pereira, 14 anos e estudante do 9º ano, defende a empatia como cerne fundamental para o exercício de uma cidadania mais ética. “Respeito, educação e ajuda ao próximo. A reflexão sobre todas as ações que tomamos é algo que todos deveriam praticar”, explica.

“O fundamental é não ser ético só na frente das pessoas, mas também quando não estiver ninguém olhando”. Argumenta o aluno do 6° ano, Emanuel Vellozo Leite, que tem apenas 11 anos. O rapaz lembra para prestarmos atenção em três palavras importantes: posso, devo e quero. Baseado nas pesquisas realizadas em sala de aula, o estudante diz que conciliando os três termos é possível levar uma vida mais consciente e respeitosa.

Publicidade 2
  • Comentários
  • Comentários no Facebook
Item Reviewed: Educação com ética envolve alunos em projetos no Sesi Nova Friburgo, RJ. Rating: 5 Reviewed By: Portal Fri Notícias