As Últimas
Publicidade
22 de jul de 2016
Publicidade 2

Miss Suíça Lauriane Sallin será recebida no Palácio Barão de Nova Friburgo, RJ.

Lauriana aceitou ser madrinha das comemorações do bicentenário de Nova Friburgo. Ela também visitará descendentes suíços da família Sanglard, em Amparo.

A Miss Suíça 2016, Lauriana Sallin, é mais uma celebridade esperada no Palácio Barão de Nova Friburgo, sede da Prefeitura, no dia 8 de agosto. A sua visita está prevista para as 9h30min, duas horas antes da visita do presidente da Hungria, János Áder, às 11h30min. Lauriane permanecerá no município serrano do Estado do Rio de Janeiro entre os dias 6 e 8 de agosto, uma pequena fuga de seus compromissos com os Jogos Olímpicos e Paraolímpicos na Rio 2016.

Lauriane Sallin é natural da pequena cidade de Belfaux. Ela etará em Friburgo durante 3 dias.
(Foto: Divulgação)
Lauriane Sallin é natural da pequena cidade de Belfaux. Ela aceitou ser a madrinha das comemorações do bicentenário de Nova Friburgo, cidade que foi fundada por suíços, sendo convidada pela Associação Fribourg-Nova Friburgo (AFNF), numa colaboração com a agência oficial de promoção da Suíça, Présence Suisse, e a Organisation Miss Suisse, para visitar a Casa Suíça e Queijaria Escola. Depois de sua recepção na Prefeitura Municipal, Lauriane visitará descendentes suíços da família Sanglard, em Amparo, onde fará a entrega simbólica de um instrumento utilizado para fazer o “bricelet”, um tipo de biscoito fino, especialidade da região de Gruyère, no cantão de Friburgo.
A importância da entrega desse instrumento está relacionada a uma pesquisa de 30 anos de Raphael Fessler, presidente da AFNF. Segundo disse, ele procurou traços e vestígios que testemunhassem a vinda dos suíços para o Brasil. Como não sobrou nenhuma casa nem outra construção da época da fundação de Nova Friburgo, Fessler tentou encontrar alguma coisa material que comprovasse a origem dos colonos. Após trinta anos de pesquisa, o presidente da associação conseguiu encontrar um “fer à bréchi”, uma fôrma em ferro fundido usada para fazer o “bricelet”.
Lauriane explica seu interesse pela cidade serrana do Estado do Rio: “sou estudante de história da arte, na Universidade de Friburg, e me interesso muito pela matéria. Achei que essa era uma boa ocasião para contar essa história aos outros, para lembrar que não foi um episódio anedótico que não toca a ninguém. Isso tem resultantes agora, como os descendentes dos suíços no Brasil e também traços que ficaram aqui, como o nome desse caminho. É uma ocasião para prestar uma homenagem às pessoas que partiram e contar novamente essa parte da história, além de comemorarmos, juntos, os 200 anos”.
De acordo com Raphael Fessler, “a ideia é aproveitar a notoriedade nacional da Miss Suíça para dar visibilidade à associação e à cidade de Nova Friburgo e tentar reunir todos os 10 cantões que mandaram emigrantes para a região, aproveitando a proximidade das comemorações dos 200 anos da fundação da cidade em 2018”, diz o presidente da AFNF, Raphael Fessler.
A associação também conseguiu um espaço na Casa da Suíça da Lagoa para sua instituição. O espaço será inaugurado no dia 1º de agosto, dia nacional da Suíça, e fica aberto até 18 de setembro. Nesse espaço, a Casa Suíça de Nova Friburgo pretende divulgar seus produtos, queijos e chocolates, e a associação, o bicentenário e a história de Nova Friburgo.

Texto de: Antônio Mauro | Secom NF
Publicidade 2
  • Comentários
  • Comentários no Facebook
Item Reviewed: Miss Suíça Lauriane Sallin será recebida no Palácio Barão de Nova Friburgo, RJ. Rating: 5 Reviewed By: Portal Fri Notícias