As Últimas
Publicidade
31 de mai de 2016
Publicidade 2

Polícia Civil do Estado do Rio perdeu 700 armas em dez anos

É o que aponta a CPI das Armas da Assembleia Legislativa do Rio (Alerj).
 

Por: Nova Friburgo AM


Entre 2005 e 2015 (até outubro), foram 700 casos de armas pertencentes ao patrimônio da corporação furtadas, roubadas ou extraviadas.
 
Foto: Divulgação
Dessas, segundo dados repassados à CPI, apenas 107 foram recuperadas, o que representa uma taxa de sucesso de 15,3%.
 
Esse dado configura, em média, uma arma a menos nas mãos dos policiais civis a cada cinco dias. O relatório, elaborado pela Coordenadoria de Fiscalização de Armas e Explosivos, aponta ainda para 757 carregadores furtados, roubados ou extraviados e 5.846 unidades de munição.
 
A maioria dos casos diz respeito a pistolas e revólveres.
 
Também deixaram de fazer parte do patrimônio da Civil 16 fuzis, nove espingardas, quatro submetralhadoras, duas metralhadores e uma carabina.
 
O relatório da CPI das Armas, que deve ser entregue até junho, vai propor três pontos centrais. Um deles é dar a órgãos estaduais acesso a bancos federais de dados de armas.
 
Os deputados também vão sugerir um projeto de lei que obrigue a polícia a rastrear todas as armas apreendidas.
 
Por fim, o relatório da CPI vai solicitar que órgãos de segurança só comprem armas e munição identificados, com a exigência constando nos editais. A norma já está prevista no Estatuto do Desarmamento.
Publicidade 2
  • Comentários
  • Comentários no Facebook
Item Reviewed: Polícia Civil do Estado do Rio perdeu 700 armas em dez anos Rating: 5 Reviewed By: Portal Fri Notícias