As Últimas
Publicidade
31 de mar de 2014
Publicidade 2

Passageiros de ônibus em Nova Friburgo, RJ, fazem críticas ao serviço

Demora dos ônibus e superlotação são queixas frequentes dos usuários. Tarifa sofreu reajuste no início do mês para R$ 2,95.

A tarifa do transporte público de Nova Friburgo, Região Serrana do Rio, sofreu reajuste no dia 9 de março: passou de R$ 2,80 para R$ 2,95. O valor é questionado pelos passageiros que cobram mudanças de antigos problemas. Na cidade, cerca de 60 mil pessoas dependem do transporte coletivo para se locomover.
Foto: Divulgação/Internet

Os usuários de ônibus fazem diversas críticas ao serviço, operado pela Faol, como as precárias condições dos pontos de ônibus e o tempo de espera, reclamação mais comum entre os passageiros. “Fico esperando 30 minutos, uma hora, às vezes mais, e nada”, comentou Maria de Fátima da Silva.

Como os passageiros têm que esperar os ônibus durante um certo tempo, procuram abrigo para se proteger do sol ou da chuva, mas, em horário de pico, muita gente fica fora da cobertura. Como solução, muitas pessoas ficam embaixo das marquises dos prédios e acabam não conseguindo ver a chegada dos ônibus.

Outras críticas podem ser ouvidas por parte dos usuários do transporte público da cidade: ônibus com letreiro apagado, motorista parando fora do ponto e superlotação. Dentro dos ônibus, os passageiros se apertam até chegar ao destino final. “Trabalho o dia todo e ainda sou obrigada a ficar em pé. Isso é um absurdo”, disse uma passageira.

Com o aumento da tarifa que começou a valer no início do mês, a Faol precisa pagar a construção de 20 pontos, instalar câmera de segurança em toda a frota e colocar em circulação mais 30 novos veículos, que seriam somados aos 155 já existentes na frota. Caso descumpra o acordo, a empresa poderá ser multada.

Em nota, a Faol informou que “a cidade possui mais de 100 mil veículos emplacados, com a mesma malha viária que tínhamos 50 anos atrás. Esse conjunto tem nos levado a congestionamentos corriqueiros, agravados nos horários de pico. Os abrigos e pontos de ônibus são responsabilidade da Prefeitura da cidade”.

Prefeitura responde
Em nota, a prefeitura de Nova Friburgo disse que o reajuste da tarifa foi objeto de ampla discussão, após análises de custos promovida pelo Poder Concedente e a Concessionária, juntamente com os vereadores integrantes da Comissão de Fiscalização de Serviços Concedidos da Câmara Municipal.

"A Faol já entregou os ônibus e implantará câmeras de segurança em todos os demais coletivos no prazo de até 180 dias. Em relação aos pontos de ônibus, o acordo inicial de construção direta pela Faol passou por alteração, eis que o município fará uma licitação de quantidade maior de pontos, visando atender projeto de revitalização e de mobilidade e ordem urbana, sendo que estes terão seus espaços explorados por empresa privada nos termos da legislação Municipal de regência e Federal de Licitações", disse trecho da nota.

A prefeitura disse ainda que a Faol ressarcirá o município no equivalente ao que gastaria com aqueles pontos e estes recursos poderão ser destinados ao fundo de transporte municipal já aprovado por Lei Municipal nos termos da sua regulação.


Fri notícias/G1.com
Publicidade 2
  • Comentários
  • Comentários no Facebook
Item Reviewed: Passageiros de ônibus em Nova Friburgo, RJ, fazem críticas ao serviço Rating: 5 Reviewed By: Portal Fri Notícias